quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

"Viver "

"I'm tired of everyone i know, of everyone i see, on the street, and on TV."


Nós gastamos muito tempo da nossa vida parados, esperando o acaso, destino, a sorte, e isso é claro acontece porque achamos mais fácil, mais mágico talvez quando elas simplesmente acontecem, pelo menos pra muitos e muitos a única chance de algo acontecer é se por algum motivo desconhecido ela simplesmente aconteça. Ao mesmo tempo se torna intrigante quando se passa a viver uma vida sem perspectivas de algo simplesmente acontecer, então uma das perguntas que se vem até a cabeça é: O que eu posso fazer?

Não sei se destino existe ou não, mas é notável que percebamos que algumas coisas simplesmente pareciam ter sido pra acontecer, de verdade. Tudo bem que nossas escolhas moldam, nos levam, mas algumas de nossas escolhas nós nem sabemos o porquê, ou aonde iria nos levar. O ruim de depender do acaso é que às vezes ele atrasa, em outras ele decepciona bastante, mas sempre proporciona esperança, um pouco de emoção e sabe-se lá mais o que.

A utopia é algo doloroso, tanto quanto a dúvida, tanto quanto a vontade de não colocar a cara pra fora, tanto quanto o fato de se sentir inútil. Rezamos e oramos pra independente do que for que nos salve, rezamos pra o tempo, pra a estação, pra algum ser, pedimos pra que algo nos salve, nos complete, cuide-nos, pedimos e pedimos, somos pequenos e insignificantes diante de tudo isso. Eu sou apenas uma página, apenas uma letra, não conseguiria me vangloriar nem se quisesse. Algumas coisas são pra acontecer, outras nós realmente fazemos, porém verdade seja dita, somos simples escravos dessa porcaria de que chamam "viver".

5 comentários:

  1. esse ano eu resolvi viver pelo acaso, não sei se fiz uma boa escolha. o ano tá só começando e por enquanto eu consigo sobreviver a tudo (:

    acho que pior do que ser escravo dessa porcaria de que chamam "viver" é ser escravo do tempo ;~

    como eu gosto dos seus textos, sempre me encontro neles '-'

    beijas fii :*

    ResponderExcluir
  2. Tem gente que tem atitudes na vida, já outros, tem um blog...

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Como a maria elis disse, pior do que ser escravo da vida é ser escravo do tempo .-.
    Beijos

    ResponderExcluir