quarta-feira, 8 de abril de 2009

Raindrops Keep Falling On My Head.

E as chuvas de abril começam amiguinhos.
Como vão queridos leitores? Como está esse sentimento pascoal? E os ovinhos? Ganharam muitos?
Foda-se.
Enfim, vamos ao que interessa. Ou não.
Foi aprovada uma nova emenda com relação a lei Maria da Penha.
Para quem não sabe, é a lei que proíbe agressões contra mulheres. É aquela lei que toda mulher esquece a existência depois que o marido acorda e pede desculpas pelo dia anterior, fala que foi um delírio e não mais acontecerá.
A nova emenda diz que, além dos maridos, namorados também não poderão mais bater em mulheres. Ainda bem né? Quer dizer que casado é crime, mas namorando pode matar? Ok.. Ok..
Isso é um progresso mulheres.
As garotas da ilha de lesbos devem estar soltando fogos no Olimpo uma hora dessas.
Pra quem não sabe, esta é Lesbos:






Lesbos é uma ilha grega, onde antigamente moravam só mulheres, e bem.. foi de lá que surgiu o termo Lésbica e toda essa coisa erótica shalalalaê.


Está fazendo calor pra caramba aqui. Ontem eu tive que voltar pra casa, o lugar onde trabalho estava fechado, e estava fazendo um calor infernal. Eu estava suando provavelmente toda água que um dia passou pelo meu corpo, e de longe eu avistava ondas de calor subindo e distorcendo as imagens na minha frente.


Eu estava rezando para que estar todo suado e ofegante de calor não fossem condições vitais que me impedissem de pedir água pra um vendedor de salgadinhos. Já repararam que salgadinhos da rua são todos murchos e sem crocância? Parece que algum cozinheiro um dia sonhou algo tipo: "Levarei lanches ruins e melecados de gordura à todos aqueles que não podem se deliciar com uma coxinha de carne praticamente crua! Comprarei um carrinho e sairei nas ruas fazendo a alegria de todos, para nunca mais termos lanches frescos e deliciosos poluindo os paladares de todos."


Segue a foto de Anastor, o pipoqueiro.


Enfim.

O título do post é uma alusão ao estranho fato que me aconteceu hoje, nesta quarta feira. Logo que saí da escola, comecei a andar em direção a minha casa, pois volto da escola a pé. Até aí tudo bem, mas logo quando não tinha mais nenhum amigo para me acompanhar, o céu se fechou, e como que por mágica(parafraseando alguma introdução de filmes da xuxa) começou a chover. Parece que quando chove, seu cabelo nem fica molhado, nem fica seco, ele fica esponjoso, duro, você parece ficar careca. A sensação de tênis molhado também é a pior de todas. Eu quase que consegui sentir cada curva da minha pele enrugada fazendo 'tcheck theck' entre a meia.

Agora que vem o fato engraçado, após eu entrar em casa, o céu se abriu, feixes de luz foram jogados no asfalto, as crianças estavam reluzentes sorrindo por um belo arco-íris no céu. E eu estava molhado, tirando o tênis, e tentando escapar da nuvem de chuva que estava sobre minha cabeça.

Abraços encharcados do cray meus queridos.

2 comentários: